sábado, fevereiro 20, 2010

Novo Ciclo de Doze (008)

Acordar sem despertador para o dia radioso que se avizinha... Duas telas à espera da minha intervenção... E com direito a controlo remoto distanciado e em surdina sobre protocolos da Gestapo... Mas pelos vistos a autoridade sabe lidar bem com a situação das escutas anedóticas... Quem me dera ser duro de ouvido, eheheheh... Tudo corre bem até à sugestão sugerida das moscas... Não me insurgi em relação a esta ideia e, para horror dos presentes, três delas foram mesmo parar à tela... Tiro, não tiro, tiro, não tiro... Acabaram por ficar a título (muito) provisório... Entretanto vem o chá ao qual se teve que tomar muita atenção para não queimar a língua... O que acabou por enrubescer os mais atentos... Todavia chega-se à conclusão que isto já nem dá para o sabão, por isso nada de graxa... Um fim de aula sem história, até porque assistiu-se a um fim de dia com história... (À suivre)

Nenhum comentário: